18.7.11

sobre'vivência (de dois seres)

eu quero ver a vida passar debaixo da tua blusa
abraçar a felicidade que mora nos teus braços
ver o sol nascer entre as tuas pernas
te dar o amor pra comer com as mãos
e beber a saudade salivante da tua boca.

eu quero viver diferente dessas gentes.
não preciso de estrelas,
durmo sob a vigilância dos teus olhos
e tenho teus seios, como se fossem
duas luas reluzentes
ao alcance das minhas mãos.

o mundo tem a forma do teu corpo
a cor da tua pele,
e o único cheiro existente,
é aquele da tua nuca.

2 comentários:

Pamela Raiol disse...

gostei que só

Savanna de Albuquerque Freire disse...

coisa linda de ler.

Postar um comentário